quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Poema Anticomunista


http://2.bp.blogspot.com/-TidoPjI0Cb0/UFB6ko0pJfI/AAAAAAAACQQ/6b7lrb5yrwg/s1600/cccp3.jpgPoema Anticomunista

Ataque Soviético

Hoje eu acordei com vontade de fazer uma insurreição
Dar um ataque soviético no governo do seu coração
Preciso, sombrio, eficaz, total, irrestrito e sem compaixão
http://2.bp.blogspot.com/-CsbC-yE4G18/UFB6s2mg1KI/AAAAAAAACQY/TnvFh9ohTSk/s1600/cccp1.jpgTirar sua liberdade escolha, de opção e você gostar.
Controlar seu coração, direcionando seu jeito de amar
Elevar seu nível de vida até segregar a ferida
Fechada, controlada e amada por todos os lados
Nessa hora serás dividida, por motivos ou pela vida
http://2.bp.blogspot.com/-LHcGoQzomIs/UFB66hASc4I/AAAAAAAACQg/134XFeJX6ds/s320/cccp2.jpg
Mas serei um ditador totalmente anticomunista

Não dividirei meu amor com ninguém
Serei um orgulhoso egoísta
Unirei nossa relação  bipartida
Em torno de um comum objetivo
A nossa união terá a força soviética
Nosso amor terá a intensidade russa
A praça vermelha será nossa cama
E o nosso amor o maior do mundo.
Valdemir costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário